You have not selected any currencies to display
O que é a área de Token Capital Market (TCM) e como está estruturada; Quais são as principais mudanças que a tokenização traz para o mercado de crédito; Quais são os benefícios para as empresas que optam por antecipar seus recebíveis por meio da tokenização; Como funciona a estruturação de crédito usando a tokenização? É diferente das abordagens tradicionais; E como isso se aplica para a securitização; Quais os principais benefícios; Como a Liqi garante a segurança e a transparência das operações de tokenização realizadas em seu mercado; Quais são os critérios utilizados para avaliar a viabilidade de um ativo financeiro para tokenização; Quando falamos em redução de custos, a gente tem como falar mais ou menos; Qual é o papel da regulamentação na promoção do crescimento do mercado de tokenização de crédito; Como a tokenização pode contribuir para a liquidez do mercado de crédito; Qual a sua visão sobre a tokenização enquanto recurso de crédito no Brasil nos próximos anos; Quais são os diferenciais competitivos da Liqi em relação a outras empresas que atuam no mercado de tokenização de ativos financeiros
O potencial do mercado de crédito tokenizado e a área de Token Capital Market da Liqi

André Pina (Chief Business Officer na Liqi) apresenta o que é a...

08/05/2024

Saiba mais

Artigos mais populares

preço do Bitcoin BTC hoje

Analisando o Bitcoin (BTC) hoje

Sexta-feira, 22 de dezembro de 2023 A análise de hoje mostra a movimentação do Bitcoin no...

30/01/2023

Saiba mais
O que é CCB e como funcionam os tokens de recebíveis de CCB?

O que é CCB e como funcionam os tokens de recebíveis de CCB?

Os investimentos em CCBs (Cédulas de Crédito Bancário) têm se destacado como uma opção...

16/03/2023

Saiba mais
Rolante: como funciona a cidade que mais aceita Bitcoin no mundo?

Rolante: como funciona a cidade brasileira que mais aceita Bitcoin no mundo?

Rolante é uma cidade no Rio Grande do Sul com 21 mil habitantes, uma cidade pequena a 100...

26/07/2023

Saiba mais

Últimos artigos

Vantagens da tokenização para o investimento em crédito | André Pina

André Pina discute as principais vantagens da tokenização no mercado de crédito, destacando...

24/05/2024

Saiba mais
Como funcionam os diferentes tipos de garantias de crédito?

Quando se trata de operações de crédito e investimento, entender o papel das garantias é...

23/05/2024

Saiba mais
O que é Alienação Fiduciária e Cessão Fiduciária: para que servem e como funcionam?

“Alienação Fiduciária” e “Cessão Fiduciária”  são dois termos frequentemente...

17/05/2024

Saiba mais
O que é Rating?: taxa, risco e retorno | Decio Bapttista

Decio Bapttista (Sócio Fundador da Liberum Ratings) aborda a função do rating de crédito e sua...

10/05/2024

Saiba mais
O potencial do mercado de crédito tokenizado e a área de Token Capital Market da Liqi

André Pina (Chief Business Officer na Liqi) apresenta o que é a nova área de Token Capital...

08/05/2024

Saiba mais
O que é ágio e deságio: como funcionam e como impactam a rentabilidade dos investimentos?

Entender os conceitos de ágio e deságio é crucial para tomar decisões financeiras informadas e...

29/04/2024

Saiba mais

Crie a sua conta.
Leva menos de 2 minutos!

Saiba das novidades cripto antes de todo mundo!

Assine a nossa newsletter semanal e receba todas as atualizações sobre o mercado que nunca para.

Leonardo de Geus (Group Product Manager na Liqi) explica o que é o TIDC (Token de Investimento em Direito Creditório), uma evolução via blockchain das estruturas conhecidas como FIDCs.

O FIDC (Fundo de Investimento em Direito Creditório) já é um produto bastante consolidado no mercado de capitais brasileiro, já que ele possui uma regulamentação específica que normatiza as suas operações e um ecossistema bancário robusto que estrutura este fluxo financeiro.

No entanto, com o surgimento da blockchain as regras do jogo mudaram, já que as pessoas que trabalham com esta nova tecnologia perceberam a possibilidade de aplicar conceitos da blockchain neste mercado de capitais, especialmente na estrutura dos FIDCs. Assim, esse produto deixa de ser um fundo de investimento em direito creditório para se tornar um token de investimento em direito creditório.

Este movimento consiste em pegar esta estrutura que está consolidada hoje no mercado de capitais e inserir na blockchain, fazendo com que os smart contracts e suas demais ferramentas trabalhem em prol deste vasto mercado que, hoje, movimenta mais de 300 bilhões de reais.

A estrutura dos FIDCs hoje no Brasil é extremamente onerosa, já que estes fundos precisam de um conjunto heterogêneo de agentes para se manter em pé. Cada um deles tem uma missão a cumprir dentro do FIDC.

Com a inserção da blockchain neste processo, alguns destes papéis poderiam ser automatizados, tornando-o muito mais escalável, eficiente e transparente. O custo para manter um TIDC é também drasticamente reduzido, já que a precificação das funções exercidas pelos agentes muda no processo de automatizar as diversas etapas do processo.

Confira o episódio completo para entender mais sobre as transformações que a blockchain está trazendo para o mercado de capitais clicando aqui.

Todos os Cortes e episódios do Talkenização estão disponíveis na aba podcast aqui do Descompliqi

Quer ficar por dentro de tudo o que acontece no universo cripto?

Siga a Liqi nas redes sociais:

➜ Instagram: https://www.instagram.com/liqibr/

➜ YouTube: https://www.youtube.com/@LiqiDigitalAssets/

➜ LinkedIn: https://www.linkedin.com/company/liqidigitalassets/

➜ Tik Tok: https://www.tiktok.com/@liqibr

➜ Twitter: https://twitter.com/liqibr

➜ Newsletter: https://www.liqi.com.br/newsletter

Aproveite para conhecer o SITE da Liqi: https://www.liqi.com.br/